Twitter Updates 2.2: FeedWitter

domingo, 16 de janeiro de 2011

O que é discopatia degenerativa?

Discopatia Degenerativa
A hérnia de disco não é a única patologia do disco intervertebral, embora seja a mais conhecida. O disco intervertebral possui uma função amortecedora, estando portanto em constante movimento/pressão, o que pode levar ao seu desgaste sendo chamado de degeneração discal ou discopatia degenerativa como é mais conhecida.



Essa degeneração do disco geralmente faz parte do processo de envelhecimento do nosso corpo, não representando portanto uma doença. A grande maioria das pessoas com mais de 50 anos de idade apresentam sinais radiológicos de degeneração discal como diminuição da altura do disco intervertebral e escurecimento do mesmo (desidratação) na Ressonância Magnética, mesmo em muitos daqueles que nunca sofreram de dor nas costas.


Entretanto, em um número grande de pessoas essa degeneração pode ser acompanhada de dor. Na discopatia dolorosa não precisa haver ruptura do disco, como na Hérnia de Disco, sendo mais comum a perda da capacidade de amortecimento pela redução na altura e pelo endurecimento das estruturas discais. Dessa forma, a chamada dor ciática, que se irradia para a perna, não é tão freqüente, sendo mais comum a lombalgia (dor na região lombar,) de caráter incomodativo, mas podendo evoluir com crises de dor bastante intensa, e geralmente durando bastante tempo.

Tanto o diagnóstico como o tratamento dessa doença é motivo de discussão, mas, atualmente, vem-se indicando cada vez mais o tratamento cirúrgico nos casos em que as medicações e fisioterapia não alcançam a melhora adequada do quadro doloroso. Diferente da hérnia, na cirurgia da discopatia dolorosa o objetivo maior não é descomprimir o nervo, e sim reconstituir o espaço discal, com técnicas de artrodese ou artroplastia (Prótese discal).
Fonte: http://www.colunars.com.br/coluna.asp?texto=2&link=2

Um comentário:

  1. aros, descobri que estou com degeneração discal e hérnia de disco, há 1 ano e venho sofrendo dores terríveis por este tempo. Fiz pilates por uns 8 meses e de nada adiantou. Resolvi voltar a fazer Yoga (fiz por 3 anos e parei por 2 anos)e a dor sumiu minutos após eu terminar a aula. Nenhuma outra terapia adiantou. Uma vez fiz RPG pela manhã e travei à noite. A Yoga tirou a dor com as mãos. Inacreditável. Pela manhã, eu mal conseguia sair da cama. Hj, dia seguinte da Yoga, levantei-me bem melhor e passei o dia bem. Vou retomar as aulas de Yoga umas 2x/semana e ver como progrido. Agora, tem uma coisa. Minha professora é muito cuidadosa, fica de olho em mim a aula toda e tem certos movimentos que ela não me permite fazer. mas acho que os médicos deveriam recomendar que seus pacientes pelo menos tentassem, pois o sofrimento desta dor é terrível e muito intenso continuamente. Tomei até codeína e nada adiantou. Só a Yoga mesmo. Boa sorte à todos que padecem disto.

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário. Comentários com palavras de baixo calão, ofensas ou inapropriados serão excluidos.