Twitter Updates 2.2: FeedWitter

terça-feira, 5 de abril de 2011

Peixe... balança

Estava até agora naquela de frango,carne bovina, ovo, carne bovina, ovo, frango e assim por diante, hoje resolvi fazer uma pescadinha, coloquei ela na minha panela elétrica anti aderente, fritei sem óleo, mas quando senti aquele cheiro forte, Deus o livre, acho (digo, penso, ninguém acha nada hoje em dia), que acoisa era meio forte, não consegui comer.
Rezo por uma tilápia, oh peixinho bom, suave, sem cheiro forte, o peixe que eu amo...
No mais tudo bem, meus vômitos diminuiram, tenho ânsia mas meu estômago já consegue segurar a comida quietinha lá dentro.
Minha nutricionista disse para eu deixarde pesar a comida, fazer o prato calculando assim uma colher disso, uma daquilo,mas não dá, em casa eu já tenho a minha balança no lado do fogão, peso meus 200gr. e estou bem com aquele tanto, já saí para comer fora, fiz o prato, e quando fui pesar (foi o tempo em que eu pagava buffet livre)adivinhem quantas gramas eu tinha pego? As famigeradas 200gr.
Agora o líquido é outra coisa, conversei com o médico e com a nutricionista, sinto necessidade de líquido, água, isotônicos, chás, café, e finalmente estou livre para tomar o líquido que sentir vontade (quantidade), porque quanto mais líquido melhor.
Dia 24 de abril libera o líquido com gás, estou com uma saudade de H2O, água mineral com gás e aquele toquesinho de limão.
Mas tem coisas que estão custando pra mim, eu não consigo comer nada cru, um dia comi uma maçã e foi a única, depois sinto um embuxo, uma coisa ruim, nem salada crua vai, mas tenho que adaptar.
Estou cozinhando tudo em casa agora, hoje por exemplo estou preparando um ensopado de carne com legumes para comer com arroz, passei a gostar mais ainda de legumes, o cheiro, o gosto, enfim ainda mais agora que já posso dar aquele temperinho especial.
Mas a balança culinária, essa é meu dilema, nem todos os dias consigo comer as 200gr., poderia passar um pouquinho se sentisse necessidade, mas não consigo mesmo, espero que continue deste tipo, nas 200 e deu. Afinal temos que nosconvencer que comemospra viver e não vivemos pra comer.
Ui, e já notaram, está chegando a Páscoa, época de doces, fartura... a primeira prova de fogo, mas já sei que não quero nem ver chocolate, talvez lambisque um pedacinho de bolo, mas no mais tranquilo.
É preciso aprender a resistir, e não sentir vontade de comer.
Comer é mais ou menos tipo fumar, por isso temos que cuidar para não jogar nossa frustração em cima de outra coisa.
Ah, consegui passar para um só comprimido de pressão. UHUHUHUHUH, yes!!!
Daqui a pouco tudo vai voltar ao normal no que diz respeito ao meu peso, só o que me decepciona um pouco é a coluna, continua doendo, 17 kg off já deveriam ter dado um alívio.
Mas no mais vamos que vamos, o jeito é viver, ou nada vale a pena.

Eaí está a colega balança culinária, uma maravilha para aquelas receitas que precisam de peso exato de ingredientes, e meu mais novo vício... rs

Um comentário:

  1. Oi Rubia, eu tinha muito enjoo de alguns cheiros, mas isso logo passa ;)

    Vou te acompanhar.. :) beijos

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário. Comentários com palavras de baixo calão, ofensas ou inapropriados serão excluidos.